quarta-feira, 30 de junho de 2010

Cada um tem o tanto de Deus que deseja.


As vezes olhamos pela nossa igreja e vemos aquele irmãozinho, novo convertido, contando bênçãos atrás de bênçãos e aí vem a pergunta: por que não sou abençoado? Você se lembra do seu primeiro amor? Ou do começo de uma relação amorosa? Normalmente, no começo a gente quer agradar nossos parceiros e chegamos a ser até um pouco exagerados... A nossa relação com Deus deve se manter assim, como no primeiro amor, nossas atitudes devem estar voltadas para a vontade de Deus em nossas vidas. É necessário dedicar tempo ao Senhor, quando Jesus falava com o povo Ele se utilizava de parábolas, dessa forma ele separava as pessoas que realmente estavam dispostas a segui-lo e que tinham o coração aberto para receber seus ensinamentos; mas a verdade mais profunda, Ele só ministrava aos discípulos, ou seja, aqueles que tinham intimidade com o Senhor.
O amor de Deus por nós é tão grande! Pela fé, eu imagino o dia da criação: Deus Pai falando com Deus Filho (Jesus) e com Deus Espírito Santo: Vamos criar um mundo, um lugar perfeito, com pessoas segundo a nossa imagem e com livre arbítrio, e eles serão nosso povo e nós seremos seu Deus; mas muitos não nos amarão, e até nos desprezarão e será necessário que um de nós se despoje de toda a gloria e vá a terra como um humano e seja morto no lugar de toda a nação, pois seus pecados serão muitos e cumprido isso ressuscite e volte para o céu . E Jesus abraçando o mundo todo e todas as pessoas que viveriam nele se ofereceu, assim como o Espírito Santo, sabendo que precisaríamos tanto Dele, encarregou-se da missão de nos ser guia.
E conhecendo toda a nossa historia, sabendo quantas vezes o negaríamos, e que mesmo diante da sua presença e de seus milagres muitos ainda não iriam crer, Deus nos amou e continua nos amando.
Diante disso, quanto você tem amado a Deus? Até que ponto Ele pode contar com você?
Que seu amor por Deus cresça cada dia mais! Deus o abençoe.
"Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. Porque Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para que condenasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por ele."(João 3: 16 - 17)


No Twitter: Blog Nos Teus Caminhos 

Um comentário:

Os comentarios deixados serão respondidos aqui mesmo.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...